07/10/2016
Procedimentos após a contemplação
A-    A    A+
 

Após a contemplação, a Administradora colocará à disposição do consorciado crédito correspondente ao valor do bem de referência, na data da assembleia de contemplação, valor que, a partir desta data, será aplicado e cujos rendimentos serão incorporados ao valor do crédito até a data de sua utilização.

O consorciado contemplado poderá utilizar o crédito para adquirir o bem, conjunto de bens ou serviço, conforme estabelecido em contrato.

Para utilizar o crédito, o consorciado contemplado deverá apresentar garantias ao grupo, conforme estipulado no contrato de adesão.

O consorciado terá o prazo de duração do grupo para aquisição do bem ou serviço. Caso não ocorra poderá, ao final do grupo, receber o crédito em espécie acrescido dos rendimentos provenientes de sua aplicação.

O consorciado poderá ainda receber o crédito em espécie, antes do encerramento do grupo, desde que tenha mais de 180 (cento e oitenta) dias de sua contemplação e tenha liquidado o seu saldo devedor junto ao grupo.

 

Liberação da Carta de Crédito

Para liberação da Carta de Crédito, o consorciado contemplado, quando do seu interesse, deverá solicitar à Administradora a sua liberação, mediante o envio da cópia do CPF e Carteira de Identidade (caso não os tenha encaminhado no momento da adesão), certidão de estado civil, comprovante de residência e comprovante de rendimento atualizado.

Após o recebimento da documentação a Administradora fará a análise cadastral e providenciará a liberação da Carta de Crédito, dentro do prazo de 03 dias úteis, desde que:

  • não haja restrições cadastrais, junto ao SERASA;
  • tenha sido encaminhada a "Proposta de Adesão" original devidamente preenchida e assinada;
  • a Poupança POUPEX ou Poupança Salário esteja ativa.